Tensei Shitara Slime Datta Ken – Capítulo 03

 Olá, estou postando o primeiro capítulo de Tensei Shirata Slime Datta Ken. Caso encontre qualquer erro tanto na tradução como na ortografia deixem por favor nos comentários avisando.

Tradução feita por (Shinchan) – Esse capítulo foi traduzido da Guro Translation.

Visite nosso site que traduz mangás: OtakuBR – Mangás.


PRIMEIRA CONVERSAÇÃO

 POV SATORU

 Alguém disse “Pequeno”?

Não importa quando eu pense sobre isto, provavelmente estava referindo-se a mim… Mas em vez de uma voz, senti mais como se essas palavras surgissem dentro de minha consciência. Em qualquer caso, eu não tenho ouvidos para escutar.

 (HEY! Você pode me ouvir, ou não? Uma resposta seria boa!…) – [???]

Posso escutar! Porém, como não tenho voz, não posso responder. Apenas como um teste…

 (Bastante rude, seu careca!) – Satoru

Esta é a resposta que eu tratei de formular em minha mente. Bem, não é como se eu estivesse escutado de todos os modos, por enquanto isto deve ser suficiente, porém, como eu respondo…

(… Ho, Hoho! Mas nós dois somos carecas, você não é muito valente?! Já se passou bastante tempo desde que eu tinha tido companhia então eu devo ter começado mal, mas parece que alguém corteja a morte) – [???]

Isso é péssimo. Ele conseguiu escutar isto…, mas bem, quando penso nas palavras em minha mente, posso responder! Se alguém tivesse me falado antes, não teria enfurecido o meu companheiro. Também, nem seque cogitei que ele seja meu companheiro de qualquer forma. Bom, isso é tudo. É hora de jogar a toalha. Vamos nos desculpar adequadamente.

 (Sinto muito! Eu não sabia como responder, então decidi tentar falar qualquer coisa. Me desculpo sinceramente! E lembrando que não possuo olhos para enxergar, sendo assim não posso contemplar o seu rosto) – Satoru

Isso foi suficiente? Bom, mesmo sem poder vê-lo, que tal se ele realmente é careca? Mesmo se esse não for o caso, ele está enfurecido é algo de se esperar. Vamos abster-nos de fazer declarações impensadas.

 (fufufu. Fuhaha. Fuahahahahahaha) – [???]

E de repente, uma risada. Uma perfeita risada de três estágios. Simplesmente impressionante. Ele já não está mais enojado?  (Shinchan: Enojado = Com nojo 😉)

(Interessante. Você se expressou sem nem mesmo ter noção do meu aspecto físico, como era de se esperar, mas para que lhe falte olhos, a espécie dos Slimes são criaturas normalmente irracionais que somente [Absorvem], [Dissolvem] e se [Regeneram]. Eu estou vendo um deixar o seu “território”) – [???]

De alguma maneira, ele começou a contar uma história? Em lugar de diminuir a sua aversão, ganhei o seu interesse? Em qualquer caso, este é meu primeiro contato. Este é meu primeiro contato na história de minha vida como um Slime. Quero continuar em condições favoráveis e aprender muito sobre ele.

(Quando um slime de repente chocou-se com o meu corpo, naturalmente me pareceu estanho. A uma velocidade excepcionalmente alta, além disso, o que ele é? Um monstro nomeado? Um monstro único? Nomeado único? Eu não entendo…) – [???]

(Peço desculpas, mas eu não consegui entender muito bem o significado do que você acabou de falar. Para dizer a verdade, desde que eu nasci se passou apenas 90 dias…) – Satoru

(Hm. Autoconsciência é algo impossível para um Slime. Monstros nomeados são aqueles que receberam um nome*, mas no caso se passaram apenas 90 dias desde o seu nascimento… Nesse caso único?) – [???] (shinchan: Ele está fazendo referência ao fato de Satoru ser chamado por um nome próprio e não pelo nome de sua espécie, raça, etc. Levem em conta esse fato e não se esqueçam, pois, mais tarde será muito importante!!)

 (O que quer dizer com ser “único”?) – Satoru

(Monstros únicos são aqueles que sofreram alguma mutação e possuem poderes incomuns. Em raras ocasiões, por exemplo: nascer em uma zona com uma alta densidade de energia mágica… Entendo, o seu nascimento originou-se da energia mágica extraída de mim!) – [???]

*Mumu*? E o que isso significa? (Shinchan: mumu é tipo de um som que saiu da “boca de satoru” enquanto ele refletia, um jargão bem clássico eu diria.)

Vamos ver se o conhecimento do meu mundo anterior pode ser usado neste novo mundo. Em outras palavras, por causa desse velhote (eu suponho), os fluxos de energia mágica são bundante por aqui. E quando essa energia se aglomerou, o monstro que nasceu dela – o Slime … era eu? Então é isso?

(Bah! Nesses últtimos 300 anos, não existiu nenhum monstro que pode se aproximar de mim. Nascendo do meu poder, talvez você possa até mesmo por suas mãos sobre mim!) – [???]

(Oh, hehe … nesse caso, você seria algo como meu pai?) – Satoru

(Um pai seria uma maneira equivocado para descrever. Afinal, eu não tenho a apacidade reprodutiva. Alguns monstros podem se reproduzir e outros não.) – [???]

 (Compreendo. Ao carecer de tais capacidades isto não seria o normal, não acha? Se eles nascem da energia mágica condensada, a reprodução se tornaria desnecessária, correto?) – Satoru

 (… Pequeno, você é surpreendentemente inteligente. Normalmente, os monstros que podem pensar são poucos em número, mas aqueles que possuem uma inteligência verdadeira seriam apenas os Majin… Mas está tudo bem, responderei a sua pergunta! Existem tribos inferiores que se reproduzem: Goblins e Orcs, além dos homens lagarto – para citar alguns. Esses são especiais entre os monstros, e eles eles são comumente conhecidos como demi-humanos.

Entre os demi-humanos, há aqueles que se fizeram amigos com seres humanos. Elfos, Hobbits e Anões – que pertencem às raças mágicas racionais.

Bem, em poucas palavras, aqueles que apoiam os Majins são chamados de monstros, e os que apoiem os seres humanos são reconhecidos como parte de suas espécie. Estes demi-humanos seriam os representantes dos monstros que se reproduzem. Embora para mim eles sejam nada mais do que porcaria!

Em seguida, sobre os Majin. Embora estes tenham nascido da energia mágica, eles geralmente são bestiais* ou animais mágicos que evoluíram através de si mesmos. As habilidades reprodutivas e a inteligência verdadeira são consideradas como características especiais. Acima de tudo, eles tendem a variar como indivíduos. Entre estes, há também os Majin de classe alta. Eles são os mais desorganizados e Diversificados.

Para concluir, os Gigantes, os Vampiros e os Demônios são Majin da classe alta com a maior longevidade. Embora eles também possam se reproduzir, eles geralmente se abstêm de facê-lo. Para que assim, possam manter a maior quantidade de energia mágica possível e como os seus status nunca decaem, eles não precisam deixar descendentes. Talvez se seus números diminuissem devido a uma guerra ou a uma grande calamidade, esse conceito poderia acabar mudando.

Como era de se esperar, eles são fortes.

Lutei muitas vezes contra eles, sim, no entanto, eles não eram rivais que poderiam lidar comigo mesmo se muitos deles vieressem ao mesmo tempo. Um parceiro de luta perfeito!

Todos juntos, são conhecidos como raças demoníacas. Alta inteligência, capacidade para reproduzir e devastar a humanidade – são conhecidos como demônios por eles (humanos). Quanto ao por que não posso reproduzir … simplesmente não há necessidade. Eu sou uma arte… “Um ser perfeito como indivíduo, um dos quatro dragões existentes. O Dragon Storm, Veldora! “Esse sou eu! Não estou ligado ao tempo nem à carne! Sou uma massa de energia pura, e é por isso que sou um arte infinita!!! Fu.. hahahahahahaha!!!!!!) – Dragão da Tempestade Veldora

E aí vem ele com sua risada escandalosa…

Sendo assim, basicamente, já que não tem expectativa de vida, não necessito ter filhos! Ou esse tipo de coisa? Sua explicação acabou se prolongando, mas foi bastante útil. Dragão da Tempestade Veldora… Um dragão, eh?…

Lutar por diversão contra a classe Majin que é a mais alta, este não seria um companheiro perigoso? Isto se encaixaria no hobby da maioria das pessoas imersas em mangas, animes e light novels. Com todo o que eu sei, não há dúvidas que o Dragão da Tempestade Veldora é perigoso. E ele fazendo toda essa explicação educadamente, só torna está sensação ainda mais sinistra.

Agora… O que vai acontecer?

(Ah… então é isso! Que explicação fácil de se entender, muito obrigado! Bem, se me desculpa…) Satoru

Com essas palavras, tentei me despedir.

(Espere! Eu já me apresentei, agora não é a sua vez? Hmm?) – Dragão da Tempestade Veldora

Esta não parece ser uma situação em que eu deva me apressar para fugir.

Sim~ Vamos conversa um pouco sobre mim… Mas espere… Eu me reencarnei em um mundo diferente! Se eu falar uma coisa dessas ele acreditaria? Como um Slime que possui uma grande Inteligência, engana-lo seria impensável. De qualquer forma, se ele acredita que estou tratando de engana-lo… Eu não estaria levantando uma bandeira para a morte? Não é mesmo? (Shinchan: Bandeira para a morte, Death flag em inglês, significa o uso de ações ou palavras que nos levam a um final ruim, na maioria das vezes, 100% de chance de acabar resultando em morte)

Oh, Bem… Se ele acreditará ou não, não serei eu que irei decidir. Depois de haver chegado a uma decisão, falei de tudo o que aconteceu até agora.

………..

(Muito bem, então é assim que as coisas são! Não é estranho?) – Satoru

Sem mencionar nada sobre as minhas habilidades, falei tudo, desde quando me esfaquearam até eu me despertar como um Slime, bem como todas as situações que eu vivenciei. Como eu ia dizendo, estranhamente não parecia uma situação muito preocupante, mas bem, era bastante ruim. O fato de eu não poder enxergar é pior parte disso tudo. Se isso continuar, eu vou acabar perdendo todas as garotas bonitas e maravilhosas mulheres desse mundo? Foi o que eu me perguntei…

(Compreendo, então você acabou reencarnando como eu imaginava. Mas que estranho método você utilizou?) – Dragão da Tempestade Veldora

 (Eh? Método? Oye… Não se supõe que estaria duvidoso ou surpreendido?) – Satoru

Que resposta é essa. Não presumimos que a reencarnação é algo realmente estranho? Pela forma que ele falou, o nascimento normal está começando a parecer ainda mais estranho!

(Ah. Ser reencarnado tendem a aparecerem de vez em quando, Almas com fortes intenções gravas em si. Entre eles existem aqueles que podem se lembrar de recordações de sua vida anterior, não é algo incomum! Mas, para haver reencarnado em um mundo diferente… Isso é estranho. Por outra parte, normalmente voltaria a nascer como um humano. Mas para nascer como um monstro, através de energia mágica para não dizer pouco… Isto é algo que nunca ouvi falar. Conseguir cruzar a fronteira dos mundos, possuindo apenas uma forte alma não é suficiente. Se a sua alma não estivesse estabilizado nesse corpo demoníaco, sua alma haveria desaparecido. Você é bastante especial) – Dragão da Tempestade Veldora

(Então é assim? Eu não era consciente sobre mim, ainda assim… Existem aqueles que reencarnaram de um mundo diferente, eh?) – Satoru

 (Existem, ainda assim não tenham havido casos que deram bons resultaram de viagens à outros mundos, alguns acabaram desviando-se e vieram parar aqui neste mundo. Um “Foreigner¹” ou um “World Travaler²” – Assim são chamados e possuem uma inteligência especial. Bem como, tendem a adquirir algumas habilidades especiais. Os registros de serem que reencarnaram sendo reconhecidos por sua sabedoria não existem/permaneceram³. Então o mais provável é que eles nunca foram reconhecidos) – Dragão da Tempestade Veldora

(Shinchan: ¹ = Estrangeiro/forasteiro; ² Viajante do Mundo e no ³ Veldora da a entender que ou os registros foram apagados ou perdidos, ou simplesmente não existem. Eu optei por deixar os nomes em inglês pois futuramente pode resultar em divergências ou confusões, ocasionando má-interpretação)

Entendo, outros mundos… Não sei se eles serão iguais ao meu mundo ou não, mas conhecê-los não seria uma má ideia. Talvez existam japoneses por lá, eu poderia fazer do meu objetivo os conhecer.

(Entendi! Neste caso, irei ver se consigo conhecer um desses “World Traveler”. Talvez encontre algum compatriota entre eles) – Satoru

 (Mesmo assim pequeno, você nem sequer pode vê-los…) – Dragão da Tempestade Veldora

(Ah… certo… Se não posso ver, então como farei? É um incômodo, se me movo cuidadosamente pelos arredores, estou certo que me encontrarei com eles algum dia… provavelmente…) – Satoru (Shinchan: Aqui ele está pensando em vós alta xD)

(Vou restaurar a sua visão) – Dragão da Tempestade Veldora

Eh? O que? Ei, ei… este velho, não, Dragão da Tempestade Veldora… Não é um bom homem (dragão)? Realmente posso esperar esse milagre?

(Eh? Você está falando sério?) – Satoru

(Claro. Entretanto há uma condição, o que acha?) – Dragão da Tempestade Veldora

 Uma condição… Eh… Há algo estranho, mas…

 (Que tipo de condição é essa?) – Satoru

 (Uma simples condição, Ao recuperar a sua visão, não tenha medo de mim. E, por favor, continue a falar comigo novamente. O que acha?) – Dragão da Tempestade Veldora

 É só isso? Poderia ser… que este dragão é apenas alguém muito solitário? Somente por causa de sua força? Como achei que esta conversa se prolongou bastante, parece que ele não deve ter tido alguém para conversar durante um bom tempo. Talvez ele apenas seja mal interpretado pelos outros… Mas, talvez nem sequer seja um verdadeiro dragão. Ou os dragões deste mundo não sejam tão impressionantes assim… Este sem dúvida é um grande negócio!

(Só isso é suficiente?) – Satoru

(Para falar a verdade, eu estive selado durante 300 anos. E por isso acabei ficando muito entediado. O que acha?) – Dragão da Tempestade Veldora

 (Se está bem para você, eu aceito esta condição!) – Satoru

 (Então é uma promessa! Mantenha-a!) – Dragão da Tempestade Veldora

 (Eu farei! Como se costuma dizer, sou um Slime confiável!) – Satoru

 Claro, isso é o que eu acredito…

(Muito bem. Existe uma habiliadde chamada [Percepção mágica]. Pode utilizá-la?) – Dragão da Tempestade Veldora

 (Não, não posso. Que tipo de habilidade é?) – Satoru

(Percebe a energia mágica que nos rodeia. Não é uma habilidade importante, e sua aquisição é bastante simples) – Dragão da Tempestade Veldora

(Ho ho. Simples você diz!) – Satoru

 ※ Na verdade não é nada simples…

(Para aqueles como eu, é tão simples como respirar, que nem sequer sabemos o que estamos fazendo) – Dragão da Tempestade Veldora

(Compreendo! Se eu for capaz de adquiri-la, vou ser capaz de enxergar?) – Satoru

(Esta é a ideia. O mundo está coberto de energia mágica. Existe uma diferenças na concentação. Assim como luz e a escuridão possuem uma onda como propriedade, Sabia?) – Dragão da Tempestade Veldora

 (Sim, ondas de luz e ondas de escuridão. Certo?) – Satoru

(Bem você sabe, é o conhecimento de outro mundo? Bom, é isso. Mas observando essas flutuações, poderá discernir a aparência dos arredores. Simples não é mesmo?) – Dragão da Tempestade Veldora

Haaa-!? Que diabos! Esse sujeito… Como isso é algo simples!!!?

(Iya~, isso soa um pouco difícil…) – Satoru

(Que!? Com isso, incluso se teus olhos e ouvidos estão esmagados, pode continua um combate. As emboscadas serão inúteis. É uma habilidade indispensável!!!) – Dragão da Tempestade Veldora

(Iyaiyaiyaiya! Vamos deixar o tema de combate de lado a partir de agora. Eu só que ser capaz de enxergar!) – Satoru

(Muu~, se é o que você diz… Irei ajudá-lo com esta aquisição! E aliais, não conheço outra forma!) – Dragão da Tempestade Veldora

 (Qu… Pode fazê-lo? Você não é um principiante nisto também?) – Satoru

 (Não se preocupe. Você está entre os poucos sortudos que possuem lembranças de seu mundo anterior. Você já sabe a forma da luz e escuridão. Se não tivesse o conhecimento, fazer com que volte a ver, teria sido impossível inclusível para mim. De qualquer forma, você é muito sortudo!) – Dragão da Tempestade Veldora

Entendo, explicar sobre a luz e escuridão seria difícil de entender para aqueles que nunca o perceberam. Sei que não poderia o fazer. Foi necessário 2 anos para Hellen Keller aprende o significado das palavras. Em outras palavras, devido o conhecimento de outro mundo, eu posso aquirir uma pseudo-visão e audição através da habilidade [Percepção Mágica]… Não é como se eu fosse negar tentar, se incapaz de enxergar é um grande incoveniente. Por outro lado, eu havia esquecido dele, mas também tenho a habiliadade [Grande Sábio]. Estou seguro que algo surgirá apartir disto!

(Por favor ensine-me!) – Satoru

(Não, não se preocupe, na veradde é muito simples. Primeiro trate de mover a energia mágica dentro de seu corpo…) – Dragão da Tempestade Veldora

Isto, de alguma maneira estou entendendo. Creio que posso usa o mesmo principio como me movendo através da água.

(Algo assim?) – Satoru

Prendendo-no em meu corpo, consegui verificar o movimento da energia mágica.

(Embora tenha dito o contrário, parece que você é bastante apto para isso. Neste caso, a energia que se move dentro de você e a que te rodeia- Pode senti a diferênça?) – Dragão da Tempestade Veldora

Isso na realidade é bastante simples. É algo bom que tenha gastado todo esse tempo tentando sentir a energia mágica- Quero dizer, Eu vivo da absorção depois de tudo! Senti-lo é um dever!

(Já o entendo! Pois eu o como sabe?) – Satoru

(kukuku, claro que já o entende, o resto é simples. Sinta o movimento da energia mágica ao seu redor) – Dragão da Tempestade Veldora

Isso é o que eu não entendo, porém, de qualquer forma, seguirei as instruções. Tentarei sentir… Sinto que está balançando, de atrás para à frente, indo e voltando… Muito bem! Vamos ativar o [Grande Sábio].

<<Verificado. Habilidade extra [Percepção Mágica]… foi adquirida com sucesso.>>

 <<Deseja utilizar a habilidade extra [Percepção Mágica]? [SIM] / [NÃO]>>

Eh? Realmente acabei de adquiri-la tão facilmente? Bem, sim, mas é claro que [SIM]. Como se esperava, [Grande Sábio] confiável como sempre! No momento em que ativei a habilidade extra [Percepção Mágica], minha mente estava cheia de informações. Nunca, nem sequer como um ser humano, tive que processar tanta informação de uma só vez. Pouco a pouco, o movimento da energia mágica ao longo das ondas de luz e escuridão, havendo compreendido toda a informação disponível, a converto em algo que possa entender. E por isso, agora posso enxergar em 360° ao meu redor, sem nenhum ponto cego. A sombra de um penhasco, a paisagem em 100 metros de distância: Sim eu posso dirigir minha consciência ali e posso vê-la. Se a mente de um ser humano se enche de tanta informação… poderia se ferir. Mas eu sou um Slime. Cada uma de minhas células é um musculo e uma célula cerebral! Definitivamente posso controlar isso. E assim…

<<Vinculando a habilidade extra [Percepção Mágica] e a habilidade única [Grande Sábio]… Completa!>>

Meu campo de visão ficou mais claro. Por outro lado, não fui atacado por uma dor em meu cérebro, que eu não fui capaz de fazer isso até agora é um pouco estranho em si mesmo, isso é uma forma óbvia de “visão”. [Grande Sábio] poderia ser um trapaceiro. Isso certamente não é um exagero, se os outros o tivessem, sem dúvida estariam comerando. Mas aquele que o possui, sou eu. Então não tem problema.

(Bom… de alguma forma parece que eu consegui. Muito obrigado!) – Satoru

Quando disse isso, por fim, eu vi “isso”… Você já sabe… um dragão real… Reluzente como um aço negro, flexível e resistente, como as escamas de um peixe… O rosto de um dragão maligno…

(Geh! Dragão!!!) – Satoru

Seu aspecto é mais assustador do que eu esperava, um grito havia escapado do meu coração

.

.

.

Estado atual:

Nome: Mikami Satoru

Espécie: Slime

Título: Nenhum

Magia: Nenhuma

Habilidades: Habilidade única [Grande Sábio], Habilidade única [Predador], Habilidades de Slime [Dissolver, Absorver, Regenerar], Habilidade [Propulsão hidráulica], Habilidade extra [Percepção mágica].

Resistências: Resistência à variação térmica [EX], resistência à ataques físicos, Resistência à dor, resistência à eletricidade, resistência à paralisia.

Shinchan: Majin (魔人) é traduzido como homens mágicos ou homens demoníacos. Uma tradução mais próxima seria Demônios (Demons), mas o autor decidiu deixar assim e utilizar/explicar mais adiante na história. Então deixarei Majin assim mesmo, mais para frente se uma mudança ocorrer eu irei notificar.


NT: Deu um trabalhão esse capítulo e posso ter me equivocado ou errado em alguns pontos, eu revisei mas posso te deixado algo passar. Conto com a ajuda de vocês! Se identificarem alguma irregularidade me avisem nos comentários por favor! Já comecei a traduzir o outro capítulo. Gostaram na maneira que estruturei o capítulo ?

Att. Shinchan, Tradutor e Revisor da Equipe Herói Undead Novels.

Não esqueça de nos apoiar e deixar os seus comentários!!

 Anterior | Índice | Próximo

Anúncios

5 respostas em “Tensei Shitara Slime Datta Ken – Capítulo 03

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s